Plano de Voo 03/01/17

Oi gente!

Hoje é terça-feira! Dia do mimo <3, que delícia! Quem não gosta de ganhar um mimo, não é verdade? Mas hoje não vamos esperar por ninguém. Vamos nós mesmas fazer algo de bom pra gente.

É como dizem nos aviões: primeiro colocamos a nossa máscara para depois ajudar quem está ao lado. Precisamos estar bem para cuidar da nossa casa e de quem amamos. Sinto muito isso em relação à minha filha. Quando uma situação me abala profundamente, vejo o reflexo nela, e imediatamente acende um sinal de alerta dentro de mim que me faz lutar contra aquilo e tomar o controle da situação. Preciso estar bem para cuidar dela e para que ela fique bem. As vezes é difícil não poder curtir uma fossa, por exemplo. Mas em geral é meu combustível pra seguir adiante. Minha pequena que eu amo tanto.

Oops! Me empolguei. Voltando…

Então o que você vai fazer hoje por si mesma? Que tal um banho bem demorado com direito a esfoliação e um sabonete líquido mega cheiroso? (pra mim isso é mimo, tá? Não me julguem! rsrsrs). Ou uma ida ao salão para um dia de princesa (cabelo, unhas, depilação..)? Ou sair para almoçar com uma amiga querida que faz tempo que não encontra? Você escolhe, desde que mime-se. Hoje é seu dia!

Mas como nem tudo são flores, precisamos continuar cuidando da casa. E pra que não se torne uma coisa desagradável, vamos aos poucos e com amor.

Estão conseguindo manter a pia brilhando? Este é o nosso hábito do mês. A cozinha é o coração da casa. Não dá pra ficar tranquila com a pia cheia de coisas esperando a gente. Vamos criar o hábito de mantê-la limpa. E se for impossível fazer isso ao longo do dia, vamos fazer antes de dormir. Não tem coisa melhor do que acordar e não ter nada sujo na pia. Já diminui a correria matinal, não é?

A missão de hoje (continuando na Zona 01) é apagar os HOTSPOTS da varanda, hall de entrada e sala de jantar. Lembra que a gente sempre fala que quando se tem coisas demais elas ficam sem um lugar certo na casa? Pois é! É importante que cada coisa tenha seu lugar definido. Especialmente se você não mora só. Se todos os moradores da casa sabem o lugar das coisas, fica mais fácil manter a ordem. Na entrada da casa é muito comum a gente soltar bolsa, sapato, celular, carteira, chave, correspondência e por aí vai. A missão de hoje se refere a este hábito que temos que abolir das nossas vidas. Guarde o que não pertencer a estes ambientes e defina o lugar correto para o que deve permanecer ali.

O babystep de hoje (dia 03) é repetir tudo e acompanhar um grupo. Simples assim! Repetir tudo porque para criarmos um hábito novo leva um certo tempo. Então, hoje vamos nos vestir completamente (incluindo os sapatos) e manter nossa pia brilhando mais uma vez. Isso tem que se tornar uma coisa tão natural que fique automática. E acompanhar um dos muitos grupos pra se tornar parte da grande família Fly. Se você não tiver tempo para interagir (ou não gostar), ok. Os blogs acabam trazendo muita coisa do que está lá. Mas se você tem um tempinho livre e gosta de fazer amizades, tem grupos no yahoo e no gmail, tem páginas no facebook, no instagran, grupos no whatsapp… O importante é se sentir a vontade e estimulada pra continuar. E ter um canal para tirar suas dúvidas.

Hoje completamos o terceiro dia de voo. E pra nos incentivar a continuar, mais uma frase motivacional: “Nossa maior fraqueza está em desistir. O caminho mais certo de vencer é tentar mais uma vez.”-Thomas Edison

Beijos e até breve.

Anúncios

Limpeza de Emergência

Oi Gente!

Essa ferramenta do sistema eu tinha ficado devendo aqui no blog. Então, vamos falar dela hoje.

Sebe aquele dia que você recebe um telefonema de uma amiga que está vindo lhe visitar e sua casa está de pernas pro ar? Bate aquele desespero! Por onde começar???

A Fly Chefona mantém os ensinamentos do sistema, mesmo nesses momentos de caos. Primeira coisa que ela sugere: vista-se completamente  (inclusive com sapatos de amarrar), prenda os cabelos, passe creme no rosto (e maquiagem!) e mãos à obra!

Se a cozinha é considerada o centro da casa, é por ela que vamos começar, certo? Timer em 15 minutos e vamos brilhar a pia. Louça lavada, seca e guardada, vamos limpar os balcões e armários superficialmente (nada de perfeccionismo!). Acabou o tempo, para onde estiver e parte para a sala. Nela vamos limpar superfícies, recolher revistas, jornais e brinquedos espalhados, e tudo que não pertencer à sala. Passados os 15 minutos, voltaremos pra cozinha pra terminar o que estávamos fazendo.

E assim vamos alternando entre os cômodos. Da sala para o banheiro, depois para os quartos, sempre em intervalos de 15 minutos. No banheiro, limparemos pia, vaso, recolheremos toalhas e roupas sujas. Quando voltarmos para um cômodo, daremos uma olhada em volta e verificaremos o que ainda falta pra deixa-lo apresentável. E como nosso objetivo é não nos sobrecarregarmos, a cada 45 min vamos descansar 15.

Aí você pensa: “Mas eu não tenho todo esse tempo! Então meu caso não tem solução? Vou receber minha amiga que chegou lá de Aracaju com a casa nesse estado?” Nada disso!!! Adivinha quem fez uma imagem com uma listinha de emergência ótima pra você colocar no seu CJ? Nossa Flymiga Aninha de Oliveira da Casa Fly.

Limpeza de emergência

Eu considero o seguinte, se for uma visita do tipo que veio jantar, conversar um pouco ou coisa do tipo, essa listinha super resolve. Eu acrescentaria trocar a toalha de rosto e o tapete do banheiro, e não me preocuparia em colocar roupa na máquina. Mas se for uma amiga de Aracaju que veio passar dias, tem que ser a limpeza mais completinha do tipo que a Fly Chefona ensina. Afinal, ela não vai ficar só na sala, nem usar o banheiro só pra lavar as mãos.

O objetivo da limpeza de emergência é que você passe por todos os cômodos da casa deixando-os apresentáveis, sem perfeccionismo, em pouco tempo.

Gostaram da lista? Acrescentariam ou retirariam alguma coisa? Você pode criar uma lista de emergência ao seu gosto. E se quiser compartilhar com a gente, vamos adorar!

Beijos e até breve!

FlyLady no Wunderlist

Oi Gente!

Como algumas pessoas me pediram para mostrar como eu uso o Wunderlist no sistema FlyLady, hj vamos falar só sobre isso. Lembrando que esta foi minha primeira experiência com o aplicativo.

Não sou boa com explicações então, por favor, se tiverem dúvidas, perguntem à vontade.

Este aplicativo é um gerenciador de tarefas que se baseia em listas. Nele você pode inserir lembretes com data e horário programados e com a possibilidade de repetição.

Pra começar você vai criar uma lista. Nessa etapa você pode escolher compartilhar essa lista com outras pessoas que usam o aplicativo e que estão nos seus contatos, e pode escolher uma pasta para colocar a lista. Eu achei conveniente criar uma pasta exclusiva para o sistema. Depois de criada a lista, você começa a adicionar as tarefas. Depois você clica na tarefa para configurar data limite, lembrete, repetição, adicionar subtarefas ou até mesmo arquivos.

Para o sistema FlyLady, eu criei as seguintes listas: babysteps, rotinas, plano semanal e zonas. Em cada lista você deve acrescentar as tarefas que serão realizadas. Na lista dos babysteps, eu tenho uma tarefa programada para cada dia (o babystep do dia) com repetição mensal. Na lista das rotinas eu tenho as seguintes tarefas: rotinas matinal e noturna, rotina de lavanderia e limpeza de emergência. Para cada uma dessas tarefas eu tenho as subtarefas (que são as rotinas propriamente ditas). Nas listas das zonas (criei cinco, uma pra cada zona) cada missão é uma tarefa e ainda tem as listas de limpeza detalhada. Semanalmente eu verifico as missões e insiro como subtarefa na missão.

Dei print nas telas para mostrar para vocês. O aplicativo pode ser usado no celular ou computador. As imagens que eu vou colocar aqui são do aplicativo no computador, ok? Essa primeira imagem é do que aparece para mim diariamente. Meu “plano de vôo”. Como vocês podem ver, só estou usando o Wunderlist para o sistema mesmo. E para me lembrar que eu preciso estudar diariamente!

wunder01

Vou entrar em cada uma das listas para vocês verem como fica. A entrada foi manual e programei todos os alertas, um por um. Talvez tenha um jeito mais fácil. Se alguém souber e quiser compartilhar aqui, ficarei muito grata :D.

wunder02

A lista dos babysteps não tem desdobramentos. Na lista do plano semanal eu adicionei subtarefas no dia do mimo (relação do que eu quero fazer por mim) e no dia anti-procrastinação (minha lista de pendências).

wunder03

Pra vocês verem exemplos de tarefa com subtarefas, vai minha rotina matinal e uma lista detalhada de limpeza:

wunder04wunder05

Nas missões de cada dia, eu coloco como subtarefas as missões que as meninas colocam no grupo. Geralmente elas postam no domingo e tento colocar logo no aplicativo. Quando não dá faço isso na segunda. Se eu for colocar diariamente vou esquecer, vou ficar com preguiça, enfim, vou acabar não fazendo.

Falando em missão, não apareceu lá na imagem do meu plano de voo a missão dia. Falha técnica, rsrsrs.

Bom, foi assim que eu montei meu Control Journal no Wunderlist. Ah, mais uma coisa, na pasta “Casa”, que aparece ali depois da pasta FlyLady, eu fiz minhas listas de compras mensal e semanal. Toda quinta-feira (dia de resolver pendências de rua) minha lista semanal aparece no plano de voo e no fim do mês aparece a lista mensal. Aí eu só tenho que verificar se preciso mesmo de tudo que está lá. O que ainda tiver em casa eu risco logo.

É isso pessoal! Qualquer dúvida ou sugestão, estou a disposição.

Beijos e até breve!

Plano Semanal

Oi gente!

Assim como no relacionamento marido-mulher ou na educação dos filhos, quando o assunto é organização da casa não há receita de bolo. O método nos dá as orientações necessárias para mantermos nossa casa organizada sem sacrificarmos o tempo com a família e sem nos sentirmos sobrecarregadas. Mas para isso temos que adaptá-lo a nossa realidade. Precisamos considerar o tempo que temos disponível para essas atividades, o tamanho da nossa casa, nosso ritmo de trabalho, de quais equipamentos nós dispomos (aspirador de pó, mop, máquina de lavar roupas ou pratos, etc.) e até mesmo nossa habilidade para os trabalhos domésticos.

No sistema Flylady a semana é dividida em “temas”, digamos assim. Para cada dia da semana existem tarefas pré-definidas, dessa forma:

  • Segunda-feira: Abençoar o lar
  • Terça-feira: Mimo
  • Quarta-feira: Anti-procrastinação e geladeira
  • Quinta-feira: Pendências de rua
  • Sexta-feira: Declutter e namoro
  • Sábado: Dia em família
  • Domingo: Renovar o espírito

Isso é uma sugestão. Não é uma regra rígida que tem que ser seguida a qualquer custo. Pra mim, nem sempre funciona do jeito que está aí. Mas vamos de um por um. Mais uma vez vamos recorrer às lindas figurinhas da Fly Aninha do blog Casa Fly.

01 SEGUNDA

Abençoar o lar significa deixar a casa em ordem para começar bem a semana. Mas cada um precisa adaptar isso à sua realidade. Por exemplo, vou comparar minha situação com a da minha mãe (uma fly baby também, uhuu!!!). Eu moro num apartamento com menos de 60m² e ela num com mais de 200m². Vocês acham que nós duas vamos levar o mesmo tempo para abençoar o lar? Nunca! Neste caso a sugestão para ela é dividir a bênção do lar ao longo da semana. São sete tarefas. Ela pode fazer uma a cada dia. Outro exemplo, abençoar o lar na segunda é complicado pra mim quando minha filha está comigo porque preciso sair muito cedo de casa, então deixo pra fazer no sábado. Mas reparem que se você realmente leva 10 minutos pra cada tarefa, serão 70 minutos e fim. Não vai comprometer seu dia e sua casa vai estar em ordem.

02 TERÇADia do mimo. Toda terça-feira a FlyLady deve reservar um tempo para si e fazer um mimo. Pode ser um cuidado especial (unhas, cabelo, massagem, depilação), pode ser um presente que você estava querendo se dar a um bom tempo, pode ser assistir um filme ou uma série que você goste muito, ou sair pra tomar um sorvete com uma amiga (tem gente me devendo! Rsrsrsrs). Reserve um tempo pra você. Até isso tem que virar hábito. A gente precisa se cuidar. Não adianta cuidar de marido, filhos, casa e ficar entregue às moscas. Se não der na terça, em outro dia. Mas tenha seu momento. Se não pode todo dia, pelo menos uma vez na semana.

03 QUARTADia anti-procrastinação é o dia pra você fazer alguma coisa que precisa fazer, mas está adiando há muito tempo. A recomendação é que você faça uma lista com tudo que está pendente. Tudo mesmo. Do mais simples ao mais complexo. Pode ser um reparo em uma roupa, marcar uma consulta, chamar o encanador, levar um equipamento para consertar, etc. Toda quarta você vai lá na lista e escolhe uma coisa para fazer e riscar. É tão bom ver a lista diminuindo. Na minha lista eu coloquei observações para saber se aquela pendencia dependia de alguma coisa, como dinheiro por exemplo. Hoje lá só tem esse tipo de pendência, rsrsrsrs.

Na quarta também você dever dar uma organizada na geladeira e no armário para ver o que está faltando. Faça uma lista. Aproveite e anote tudo o que você precisa resolver na rua porque amanhã é o dia. Precisa comprar algum remédio, ou passar no armarinho? Anote tudo.

04 QUINTANa quinta-feira a FlyLady vai resolver as Pendências de Rua. Embora esse sistema tenha sido desenvolvido para mulheres que trabalham em casa, eu acho muito prático tentar resolver tudo num dia só. No meu caso, vou ter que resolver na hora do almoço ou a noite antes de ir pra casa. Imagina cada dia eu me lembrar de uma pendência. Um dia uso meu horário de almoço pra ir comprar o presente de aniversário do coleguinha da pequena. No outro, eu lembro que preciso ir ao supermercado ou farmácia, e assim eu acabo sobrecarregada. Vou usar meu tempo de descanso para resolver pequenas coisas que poderiam ter sido resolvidas numa saída só. Não significa que a quinta é o dia ideal, mas é bom eleger um dia pra isso.

Sexta-feira é o dia de dar uma geral (ou fazer o declutter) no carro (tirar o que ficou esquecido lá durante a semana), na bolsa (papeis inúteis, notas de cartão, e o que mais não precisa estar na bolsa) e na mesa de trabalho, para encontrar tudo arrumadinho na segunda e começar a semana mais animada.
05 SEXTA - DIA       05 SEXTA - NOITE

Na sexta também aproveitamos pra programar alguma coisa especial pra fazer a noite com o marido ou com o namorado. Afinal, no meio dessa correria, precisamos manter a chama acesa, rsrsrsrs. Quem está solteira, aproveita pra assistir um filme legal ou sair com amigos. Curta a noite porque amanhã é sábado!

06 SABADONo sábado, nada de faxina! Vamos fazer alguma coisa que ficou pendente durante a semana, mas sem ocupar o dia todo. Hoje é dia de aproveitar com a família. Pode pegar uma praia, ou ir ao cinema, ao parque, ou ficar em casa mesmo, mas fazendo alguma programação que envolva todo mundo. Quem tem filho pequeno, como eu, senta no chão e vai brincar de boneca, de carrinho. Esse é um tempo precioso. Quantas horas por dia você passa com seu filho durante a semana? Eu mesma passo pouquíssimo. No final de semana tenho que aproveitar mesmo.

07 DOMINGO

E finalmente o domingo. Dia de renovar o espírito. Dia de ir à igreja, ou fazer uma meditação, ou ler um bom livro, ou tomar um banho daqueles bem demorados. Dia de fazer alguma coisa que renove suas energias, que lhe recarregue para começar bem a semana, afinal, amanhã é segunda!

Ajuste o plano semanal para as suas necessidades e veja como é bom ter uma diretriz para cumprir tudo o que precisa ser feito em casa. Mas não esqueça dos babysteps!

Agora me contem o que achou do Plano semanal. Essa divisão fica boa para você ou precisaria de algumas adaptações?

Beijos e até breve!

Os Babysteps – Parte 2

Oi Gente!

Quem não viu o primeiro post sobre Babysteps, acho melhor dá uma passadinha lá antes, ok?  😉

Quem já começou me conta: Estão conseguindo fazer os babysteps até aqui? Vamos continuar?

Dia 08 – Se você vem fazendo todos os babysteps anteriores, você tem sido Fly por uma semana!!! Então agora chegou uma das partes que eu achei mais legal de fazer: pegar um fichário e folhas para começar o Control Journal. Apesar do nome, não é nada complicado. É hora de fazer uma espécie de “diário de controle”. Se você quiser comprar um fichário lindo e papéis de coração, pode! Mas se você já tiver um fichário em casa, que está sem utilidade nenhuma, também pode. Se quiser fazer num caderno…também pode!! O importante é começar a anotar tudo num único lugar. A sugestão do fichário é porque com o tempo algumas coisas podem mudar, e você vai estar sempre incluindo novas folhas e tirando outras.

Lembra que o quarto passo era anotar tudo que estava fazendo? Agora você já tem onde guardar as anotações.

Pra começar, vamos pensar no que você fez durante essa semana. Se você fosse colocar isso em forma de rotina, como seria? Uma rotina matinal, por exemplo:

  • Acordou
  • Tomou banho
  • Preparou o café
  • Tomou café
  • Brilhou a pia (!)
  • Será que conseguiu apagar um hot spot por 2 min? Se sim, inclui na rotina. Se não, mas quer colocar como objetivo, anota!
  • Levou o lixo para fora

Isso é um exemplo, tá? Agora faz a mesma coisa pra rotina noturna. Lembra de incluir os babysteps (brilhar a pia, separar as roupas do dia seguinte, se livrar de um hot spot por 2 min).

Não busquem perfeição. Apenas façam. Lembrem que é melhor feito do que perfeito. Agora é só um rascunho. Depois você revisa e melhora o que achar que não está bom. Farei um post só sobre o CJ para trocarmos ideias, ok?

Dia 09 – Declutter (destralhe). Lembra quando eu falei que tralha não se organiza? Então, chegou a hora de começar. Essa é a ferramenta mais importante do sistema. Antes de fazer a limpeza detalhada de um cômodo (falaremos sobre isso mais pra frente) precisamos fazer o declutter. Pegue uma caixa/sacola para descarte e outra para doação, escolha um local específico do cômodo (um armário, uma gaveta) e comece a organizar. O que não serve vai para o lixo, o que serve, mas não para você, pode ir para doação, e, finalmente, guarde no lugar correto o que ainda for útil e/ou importante para você. Mas não é para destralhar a casa toda de uma vez, hein? Vamos com calma.

Dia 10 – Você pode fazer qualquer coisa em 15 minutos. Também já falamos sobre isso no link aí de cima. Vamos praticar. Lembrem-se que cada babystep deve virar um hábito. Daqui pra frente, sempre que houver necessidade, liga o timer! Principalmente para o declutter.

Dia 11 – Adicione uma página de inspiração no seu CJ. Isso é muito bom. Começar o dia ledo frases motivacionais e inspiradoras. Uma pesquisa rápida no google e você terá milhares de frases. Copie as que mais lhe motivam.

Dia 12 – Apague as mensagens antigas. Esse passo é para quem já está inscrito em algum grupo de e-mail ou whatsapp. Não se preocupe em guardar tudo que mandam. O sistema é cíclico e todo dia chegam mensagens com orientações para aquele dia. Além do mais você deve sempre seguir em frente. O que passou não importa. Comece daqui pra frente.

Dia 13 – Faça a missão do dia. No sistema FlyLady a casa é dividida em 05 zonas. Trabalhamos em cada uma delas durante uma semana. E para cada dia da semana é proposta uma missão. Então, por exemplo, na semana 01 do mês trabalhamos na zona 01 – Varanda, entrada, sala de jantar/copa. Nela faremos a limpeza detalhada ao longo da semana e a uma missão por dia. Nada de desespero. Antes do dia 13 explicarei melhor esse passo.

Dia 14 – Organize sua agenda. Aqui não estamos falando do CJ. Estamos falando de uma agenda para você anotar seus compromissos diários, suas consultas já marcadas, os eventos da escola dos filhos, a data de pagamento daquela conta, os aniversários, etc. Você pode também anotar na agenda seus compromissos de FlyLady. Cada um sabe como funciona melhor. O importante aqui é você ter controle dos eventos que virão ao longo da semana para se programar, para não deixar passar uma data importante e se sentir frustrada depois.

E assim chegaremos ao final da segunda semana. Conta aqui como está sendo. Está tranquilo ou está tendo dificuldades? Vamos juntas que fica mais fácil.

Beijos e até breve!

A importância de ter uma rotina diária

Oi gente!

Hoje eu queria compartilhar com vocês as mudanças que a implantação da rotina trouxe pra mim. Ter pouco tempo e muita coisa pra fazer geralmente me leva ao que as flies costumam chamar de “síndrome da barata tonta”. Eu começo a fazer uma coisa, no meio do caminho me lembro de outra, aí já largo a primeira e começo a segunda, aí vou passando e vejo outra coisa que precisa ser feita. No fim, comecei a fazer três ou quatro coisas e não tenho tempo para concluir tudo. Aí fico super estressada, me atraso, e ainda deixo lá a bagunça que eu mesma fiz.

Seguindo o FlyLady, aprendi que eu deveria preparar minha rotina matinal e minha rotina noturna. A rotina matinal vai guiar nosso dia e a rotina noturna vai nos preparar para o dia seguinte.

A princípio fiz num post-it e coloquei a matinal na cozinha e a noturna no banheiro, lugares onde, praticamente, eu começo e encerro o dia. Mas não dava certo. Eu não dava a devida importância à rotina noturna e deixava muitas coisas para fazer pela manhã. Além disso, eu tinha a rotina matinal, mas passava e via alguma coisa pra fazer (que não estava na lista) e pensava: “É rapidinho!”. Nessa brincadeira, acabava não dando tempo de concluir a rotina, eu ficava estressada e saia de casa atrasada do mesmo jeito. Custei pra entender meu erro.

Por isso eu falo da importância de acompanhar os grupos e trocar experiências. Com as dicas das outras flies percebi que eu precisava seguir minha rotina rigorosamente. Sem desvios desnecessários. Quando a gente tem pouco tempo, é preciso priorizar o que TEM QUE ser feito. Se pode ser feito depois, não priorize para não se atrapalhar. Além do mais, vá montando a rotina aos poucos, fazendo testes, até chegar na ideal.

Você pode até fazer uma lista com tudo que gostaria de fazer diariamente e depois, de acordo com sua disponibilidade de tempo, distribuir entre a rotina matinal e a noturna. Também é bom começar com uma rotina pequena, fácil de cumprir. Quando essa estiver tão automática que você nem precisa mais olhar as anotações, aí você acrescenta mais alguma coisa.

Quem já começou a fazer os babysteps, já tem o que colocar nas rotinas. Na matinal pode ter: vestir-se completamente; brilhar a pia; apagar um hot spot por 2 minutos e afastar as vozes ruins. Na noturna: novamente apagar um hot spot por 2 minutos, afastar as vozes ruins e brilhar a pia, além de separar a roupa do dia seguinte.

E você, já tem uma ideia de como seria sua rotina ideal? Compartilha com a gente?

Beijos e até breve!

Os Babysteps – Parte 1


Oi gente!

Quando comecei a escrever este post tinha a intenção de falar apenas de alguns babysteps que eu considerava mais importantes. Mas a medida que eu fui passando de um por um, vi que todos eram importantes e que eu queria falar alguma coisa de cada um deles. Resultado: o post estava ficando enorme. Então, resolvi dividi-lo em partes (menos enormes, rsrsrsrs), ok?

Hoje quero compartilhar com vocês minha experiência com os babysteps. Como eu tinha comentado, o método se inicia por eles. A orientação da Fly Marla, criadora do sistema, é que todas devem começar por aqui. No primeiro mês você não deve fazer nada além dos babysteps (passinhos de bebê). Existe um para cada dia do mês, e cada um deles deve ser incorporado na sua rotina diária e virar um hábito.

Vou colocar aqui a figurinha dos 31 babysteps que a Fly Aninha do blog Casa Fly criou e dividiu com a gente.

Babysteps - RESUMO

Dia 01 – Pra começar você deve brilhar a pia. Só isso. De uma forma bem simplificada: lavar os pratos, enxugar tudo e guardar, limpar e secar o balcão. Se quiser fazer certinho, como manda o método, entra lá num dos grupos que eu já falei aqui, que tem um arquivo explicando direitinho como fazer sua pia brilhar.

Levei muito tempo pra entender a importância desse babystep. Quem não tem esse hábito não imagina como é bom acordar e encontrar a pia sem nenhum prato no escorredor, muito menos sujo dentro da pia. É bom demais! Tudo flui melhor. Tá pensando que é besteira? Experimenta e depois conta aqui pra gente. Chegar a noite do trabalho, cansada e não ter nenhum prato pra lavar, não tem preço. E no meu caso, que moro só (digo só porque a pequena ainda não sabe brilhar a pia), se eu não fizer, não tem quem faça. Os pratos vão ficar lá me esperando. Como prova da minha procrastinação. Por isso, brilhe sua pia! Vale a pena.

Dia 02 – No segundo dia você deve vestir-se completamente, inclusive com sapatos de amarrar. Esse babystep eu considero voltado totalmente para quem trabalha em casa. Quem trabalha fora, como eu, acorda e já se veste mesmo pra ir trabalhar, não tem escolha, não é verdade? Por isso desconsidero esse.

Dia 03 – Agora você deve repetir tudo e acompanhar o grupo (um desses que eu falei aí em cima ou algum de whatsapp que você faça parte). Acompanhar um grupo é muito importante para o método porque as moderadoras nos mandam diariamente o “plano de voo” (Fly – voar – plano de voo 😉 ), que contém o plano semanal, a missão do dia e o hábito do mês. Além disso, nos grupos a gente lê depoimentos de outras flies, tira dúvidas, recebe dicas. É uma troca muito rica. Vale a pena.

Dia 04 – Simplesmente anote o que foi feito até o momento. Lembrando que cada um desses passos deve virar um hábito. Então você vai fazer cada um deles todos os dias daqui pra frente. Anote também as dicas que as outras flies passaram no grupo, os lembretes do que você deve fazer todos os dias, e o que mais você achar necessário.

Dia 05 – “Afaste/transforme as vozes ruins”. Esse eu considero um dos mais difíceis, porque envolve a questão emocional, a autoestima. Daqui pra frente o que você deve fazer é não mais se permitir pensar coisas negativas sobre você mesma. Eu sempre fui considerada bagunceira por minha família, preguiçosa pelo meu ex. Hoje eu sei que eu não sou. Eu não quero ser e não vou me permitir ser. Outro dia meu namorado me disse assim: “Eu sempre me considerei organizado, mas hoje eu vejo que você passou na minha frente e muito”. Outra coisa que ele me diz muito é para eu não me cobrar tanto. Que minha rotina é muito pesada e que se eu me cobro muito, perco minha serenidade. E não é que é verdade? Então, vamos afastar as vozes ruins e nos tornar mais leves. Acreditar que somos capazes e que vamos conseguir. E acima de tudo, não querer fazer mais do que podemos para não ficarmos frustradas depois.

Nesse passo você deve anotar o que essas vozes ruins costumam falar na sua cabeça e transformá-las em coisas positivas. Vou dar um exemplo que uma Fly postou no grupo, e que ilustra bem o que esse babystep quer dizer: “Não vou dar conta!” se transforma em “Tudo posso naquele que me fortalece”. Se você não tem religião, anote uma frase de incentivo. O importante é mudar seus conceitos sobre você mesma.

Dia 06 – O sexto passo é se livrar de um hot spot em 2 minutos. Mas o que é hot spot? Sabe aquela cadeira que fica no seu quarto e você acaba colocando um monte de roupa em cima e nunca guarda? Ou aquele cantinho da sala onde todo mundo larga chave, celular, bolsa, e fica uma bagunça? Isso é hot spot! A definição formal do sistema é “Ponto Quente – local da casa onde a bagunça sempre se acumula, aquele local que deve sempre ser observado pois todos os dias coisas se acumularão nele.”

Então, nesse passo é para você ligar o timer em 2 minutos e tirar o máximo de coisas que puder. Não é para tirar e colocar em qualquer lugar, é para tirar e guardar no lugar certo, ok? Dependendo da situação, vai ser preciso repetir esse procedimento várias vezes até acabar de vez com um hot spot.

Dia 07 – Separe as roupas do dia seguinte. Tão simples e tão útil. Especialmente para as mulheres. Quem nunca ficou de manhã olhando pro guarda-roupa e pensando: “com que roupa eu vou?”. Só quem trabalha de farda, claro! Geralmente quem trabalha fora, e pega cedo no trabalho, valoriza cada minutinho de manhã. Seja pra dormir um pouquinho mais, seja pra tomar um banho mais demorado, preparar o café da manhã, enfim… cada um sabe suas necessidades. E este hábito nos garante alguns minutos preciosos. Então, antes de dormir, já pense em quais são seus compromissos do dia seguinte, se possível dê uma olhada na previsão do tempo, e já deixe separada a roupa que vai usar no dia seguinte.

Para facilitar a minha vida eu fiz o seguinte: comprei um conjunto de cabides de uma cor bem diferente do que eu costumo usar (no meu caso foram 6 cabides roxos :D) e deixo no lado mais acessível do meu guarda-roupa. No fim de semana eu já penso quais roupas pretendo usar durante a semana e coloco nesses cabides. Durante a semana, a noite, eu pego o cabide e coloco no banheiro, já com calcinha e sutiã. Quando acordo é só ir para o banheiro tomar banho e a roupa já está lá me esperando.

Espero que vocês estejam percebendo a importância desses passinhos de bebê. Adquirir novos hábitos não é fácil, eu sei. Mas precisamos perseverar. Pensem em ter seus finais de semana livres pra curtir a família, descansar, namorar… sem peso na consciência porque devia estar fazendo faxina. Mas isso aqui não é mágica, hein? As pessoas que se consideram FlyLadys levaram meses para implantar completamente o sistema. Lembrem-se: passinhos de bebê.

Vou parar por aqui porque o post está gigaaaante! Continuo semana que vem quando vocês tiverem feito esses babystes, ok?

Será que alguém conseguiu ler até aqui?

Alguém? rsrsrsrs

Beijos e até breve!